Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Gato de loiça

Meu amigo, se chegaste até aqui, os meus parabéns, mas devo já confessar-te que daqui não sairão textos eloquentes, histórias de encantar e palavras bonitas. Se quiseres fica e lê, sê bem vindo.

Gato de loiça

Meu amigo, se chegaste até aqui, os meus parabéns, mas devo já confessar-te que daqui não sairão textos eloquentes, histórias de encantar e palavras bonitas. Se quiseres fica e lê, sê bem vindo.

No outro dia

Dezembro 23, 2019

gatodeloiça

Li um texto muito giro no face.

Tenho pena de não o ter guardado. Falava das relações humanas e da permanência das pessoas no nosso coração. 

Explicava que éramos seres que " emprestavamos" o nossos corações uns aos outros e da sua duração. Alguns dos seres podiam emprestar- nos o seu coração por algum tempo, e independentemente da sua duração, éramos como professores, durante esse tempo, uns para os outros. Aprendiamos sempre algo.

Achei interessante essa ideia, e a verdade é essa, não é o tempo que dura essa relação, mas sobretudo a sua intensidade com que ocorreu, e o que ficou, ou restou e o que poderemos levar connosco, as experiências e os momentos vividos.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub