Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Gato de loiça

Meu amigo, se chegaste até aqui, os meus parabéns, mas devo já confessar-te que daqui não sairão textos eloquentes, histórias de encantar e palavras bonitas. Se quiseres fica e lê, sê bem vindo.

Gato de loiça

Meu amigo, se chegaste até aqui, os meus parabéns, mas devo já confessar-te que daqui não sairão textos eloquentes, histórias de encantar e palavras bonitas. Se quiseres fica e lê, sê bem vindo.

Qui | 15.02.18

Pobre memória

gatodeloiça

Cada vez tenho mais a certeza que um dia terei alzheimer.

Não sei se será bom ao mau, mas pelo menos não me lembrarei de nada.

Não gosto de andar carregada, e apenas levo dois itens no dia a dia: mala e mala dos livros; mais do que isso, dá esquecimento do terceiro item em qualquer parte. Os chapéus de chuva são sempre os melhores candidatos.

Há tempos começou a chover, e não tendo chapéu de chuva, pensando que o tinha perdido, acabei por comprar outro, tendo vindo a descobri-lo mais tarde, no meu local de trabalho.

O mais caricato, é que na semana passada levei chapéu de chuva para o conservatório, tendo-o deixado lá.

No regresso a casa, lembrei-me dele, mas com pouca vontade de regressar e ir buscá-lo, pensei: " para a semana, trago-o".

Nunca mais me lembrei dele.

Passou uma semana e fui às aulas do conservatório, chovia, e pelo caminho passei num café.

Quando estava a entrar nas aulas, uma simpática senhora, abordou-me e disse: " Não se esqueceu de um chapéu de chuva?"

" Sim", respondi eu, " Já nem me lembrava"!!!

Resumindo, esqueci-me do chapéu de chuva no café onde fora anteriormente, mas levara o da semana passada que estava no conservatório!

 

 

2 comentários

Comentar post