Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Gato de loiça

Meu amigo, se chegaste até aqui, os meus parabéns, mas devo já confessar-te que daqui não sairão textos eloquentes, histórias de encantar e palavras bonitas. Se quiseres fica e lê, sê bem vindo.

Gato de loiça

Meu amigo, se chegaste até aqui, os meus parabéns, mas devo já confessar-te que daqui não sairão textos eloquentes, histórias de encantar e palavras bonitas. Se quiseres fica e lê, sê bem vindo.

Dom | 08.04.18

Nós e os cães

gatodeloiça

Sei que as pessoas que têm animais, adoram-os e às vezes....mais do que as pessoas.

Mas o que me espanta é isso mesmo! Percebo, de certa forma quando desabafam " cada vez que conheço as pessoas, gosto mais de animais", porém, penso que é só um desabafo, mas depois constato que não é!

Hoje passou-se o seguinte: estava eu, a minha mãe e os meus filhos num passeio à volta do bairro de bicicleta, quando decidimos ir até um parque de estacionamento, que costuma estar vazio, e dava para as crianças andarem de bicicleta por um bocadinho. 

Passado uns cinco minutos, já estávamos de saída, quando surgiu um carro fora da cancela e estacionou. Afastámo-nos imediatamente para sairmos. O meu puto é que andava ainda em cascos de rolha no fundo do parque, mas chamámo-lo logo, pensando que ia estacionar.

Saiu a dita do carro e seguiu-se a seguinte conversa:

- Está aí um cão e tenho medo que o tenham assustado- disse a senhora para sua apresentação.

- Pois nós não ficámos assustados com o cão, ( aliás nem o vimos nem à chegada, nem à saída).- respondi eu.

- Pois, mas eu estou é preocupada é com o cão.

- E eu estou preocupada com os meus filhos. Isto é propriedade privada? - perguntei.

- É.

- Vamos já embora. ( Aliás, já estávamos fora, apenas o meu puto tentava com a rapidez que podia, sair do estacionamento.

A minha mãe entretanto ainda disse à dita:

- Se quiser pode ir à nossa rua, que não me importo.

E é isto que eu penso das pessoas que gostam mais dos animais pouco se importando com as pessoas; depois não se queixem quando há pessoas que pensem o mesmo delas, ou seja " há pessoas que quanto mais conhecemos, mais preferimos os animais."

 

 

2 comentários

Comentar post