Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Gato de loiça

Meu amigo, se chegaste até aqui, os meus parabéns, mas devo já confessar-te que daqui não sairão textos eloquentes, histórias de encantar e palavras bonitas. Se quiseres fica e lê, sê bem vindo.

Gato de loiça

Meu amigo, se chegaste até aqui, os meus parabéns, mas devo já confessar-te que daqui não sairão textos eloquentes, histórias de encantar e palavras bonitas. Se quiseres fica e lê, sê bem vindo.

Qui | 08.02.18

Gosto de pessoas!

gatodeloiça

Numa entrevista antiga a Nicolau Breyner, após a sua morte, confessou: " Adoro pessoas!", deu-me a entender que as adorava, só porque sim, apesar das suas idiossincrasias , ideias, maluquices, pensamentos e outros que tais. Da capacidade do ser humano ser o mais querido dos seres à face da terra, até ao mais desagradável.

Descobri que sinto-me no mesmo pé que ele, gosto de pessoas, porque sim, principalmente dos aspetos citados acima.

Que melhor forma de ser e de aprender a ser-se e a estar-se do que com a presença dos outros?

Mesmo que "espécies difíceis" de ser e de estar! Aprende-se sempre! E essas mesmo, ensinam-nos tanta coisa!!!!

O que é bom! Todas as idiossincrasias que fazem parte de nós, que constituem o nosso ser mais profundo, que marcam de forma mais intensa ou superficial o outro. Descobrir outros na nossa vida é ótimo!

Adoro as conversas, mesmo que as de chacha, que às vezes dão voltas e descobrem-se muita coisa! Gosto de ouvir as pessoas, e ver como observam o mundo, como o pensam e o que as faz sorrir, chorar ou barafustar.

O que as irrita, o que as faz rir à gargalhada, a conversa do cão, do gato, do periquito, dos filhos, do marido ou até da inspeção automóvel, das férias, dos sonhos previstos e concretizados, e dos maioritariamente não concretizados, da morte do tio especial ou da avó, enfim..... de tudo, principalmente dos sentimentos.