Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Gato de loiça

Meu amigo, se chegaste até aqui, os meus parabéns, mas devo já confessar-te que daqui não sairão textos eloquentes, histórias de encantar e palavras bonitas. Se quiseres fica e lê, sê bem vindo.

Gato de loiça

Meu amigo, se chegaste até aqui, os meus parabéns, mas devo já confessar-te que daqui não sairão textos eloquentes, histórias de encantar e palavras bonitas. Se quiseres fica e lê, sê bem vindo.

Qui | 05.04.18

Fiódor Dostoiévski

gatodeloiça

Confesso que nunca me deu para ler nada de literatura russa. Nem na escola fui incentivada a tal. 

Porém, há tempos numa ida à biblioteca em que abatem os livros pouco lidos, descobri uma destas relíquias de Dostoiévski.

E foi uma agradável surpresa. Gosto da sua escrita e estou a ler um dos seus primeiros contos, que diga-se de passagem que se lê num instante.

Tenho ali à minha espera mais uns quantos contos para ler, e estou desejosa de lhe deitar os olhos!

É sempre bom descobrir autores, novas escritas ou novos mundos.

4 comentários

Comentar post